Fale conosco

Av. Afonso Pena, 4.374 3º andar – Cruzeiro – Belo Horizonte/MG.
Entrada pela rua lateral – Américo Diamantino, 91 – 3º andar CEP: 30130-009

Email : contato@sinoregmg.org.br

Tel : 31 3284-7500

  • Instagram Sinore
  • Facebook SinoregMG

MAPA DO SITE

    G1 - Concurso de cartórios de Alagoas é cancelado por prevenção ao coronavírus

    Candidatos devem aguardar 30 dias para nova avaliação sobre a aplicação das provas, que estavam previstas para o dia 22 de março.


    As provas do concurso de cartórios de Alagoas, que seriam aplicadas no próximo dia 22, foram canceladas. A comissão do concurso para delegações de notas e registro comunicou nesta segunda-feira (16) que o motivo é preventivo, por causa da evolução dos casos do coronavírus.


    Veja as medidas de prevenção ao coronavírus adotadas em AlagoasVÍDEOS: perguntas e respostas sobre o vírusComo se prevenir do coronavírus?

    Os candidatos à titularidade de serventias extrajudiciais devem aguardar 30 dias para nova avaliação sobre a aplicação das provas.

    O concurso já havia sido realizado em 2019, mas a divulgação do resultado foi anulada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) devido a problemas na impressão dos cadernos. O concurso é organizado pela Fundação Vunesp e oferece mais de 200 vagas de tabeliães, notários e registradores em Maceió e no interior.

    A nota oficial do presidente da comissão do concurso, desembargador Marcelo Martins Berthe (TJSP), também leva em consideração as mais recentes recomendações e medidas adotadas pelas autoridades sanitárias visando ao combate ao coronavírus no território nacional.

    O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL) informou que presidência e a Corregedoria Geral já foram comunicadas oficialmente da decisão de cancelamento da prova. Decisões judiciais O concurso foi lançado em 2014, mas foi suspenso por determinação do CNJ. Em dezembro de 2017, uma nova decisão autorizou a continuidade do concurso, dando andamento aos trâmites para elaboração de um novo edital.

    As inscrições foram reabertas em fevereiro 2018, mas em maio do mesmo ano o CNJ suspendeu novamente o concurso após o pedido de um dos candidatos. Em maio de 2019, o TJ-AL anunciou que o certame seria retomado com um novo edital.


    Fonte: G1