top of page

Conjur - Disparidade notável no valor da indenização impede imissão na posse


O artigo 15 do Decreto-lei 3.365/1941 estabelece a imissão na posse dos bens a partir do depósito do valor ofertado pelo expropriante quando constatada a situação de urgência. Mas a aplicação deste dispositivo legal possui uma exceção, relativa às situações em que há disparidade notável entre o valor ofertado e o estimado da indenização justa.


Assim, o juiz Roberto Apolinário de Castro, convocado ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais, suspendeu uma decisão que havia determinado a imissão provisória na posse do imóvel de um casal de produtores rurais à Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig).


O governo mineiro havia declarado que o terreno era necessário para a extensão da rede de distribuição rural de energia do sistema da Cemig. Por isso, a Vara Única de Monte Alegre de Minas (MG) autorizou a imissão provisória na posse do imóvel, mediante o depósito de indenização.


A concessionária de energia fez um depósito de R$ 920. Representados pelo advogado Diêgo Vilela, os donos do imóvel alegaram que o valor não era suficiente, pois a própria Cemig havia apurado uma quantia de cerca de R$ 9 mil.


Castro observou que o decreto do governo estadual tratou de dois imóveis: o do casal, avaliado em R$ 9 mil; e outro, de propriedade de terceiro, avaliado em aproximadamente R$ 920. Ou seja, a Cemig se equivocou e ofereceu em depósito a indenização referente ao imóvel que não pertence aos recorrentes.


Desta forma, o juiz constatou a disparidade notável entre os valores e aplicou a exceção do artigo 15 do decreto-lei. Ele apontou que o valor de R$ 920 “não satisfaz os requisitos necessários ao deferimento” do pedido liminar da concessionária.


Clique aqui para ler a decisão Processo 1.0000.23.276852-3/001


Fonte - Conjur

Posts recentes

Ver tudo

Programa “Cartório Contemporâneo” episódio 126

Confira a 126ª edição do Programa “Cartório Contemporâneo”, na TV Justiça, uma realização da Confederação Nacional de Notários e Registradores (CNR). Neste episódio, com apresentação de Duda Meirelles

bottom of page